Noticias

Cerimónia de Encerramento do 50º aniversário da CGTP

A convite da CGTP-IN, a AOFA esteve, uma vez mais, presente num evento organizado pela Central Sindical, desta vez a cerimónia de encerramento do 50º aniversário.

O evento decorreu na Aula-Magna tendo a AOFA sido representada pelo Presidente do Conselho Nacional, Tenente-Coronel António Costa Mota.

Do guião desta cerimónia salientamos um magnífico espetáculo de música e dança proporcionado através do grupo musical – A Garota Não – e dos bailarinos da Academia de Dança Contemporânea de Setúbal, ao qual se seguiu a apresentação do livro “50 anos de luta com os trabalhadores”, uma magnífica obra que, detalhadamente, dá nota das principais atividades realizadas pela CGTP ao longo dos 50 anos, terminando a cerimónia com o discurso de encerramento pela Secretária-Geral Isabel Camarinha onde ficou bem patente o trabalho que nesta altura a Central está a realizar, bem como as perspetivas futuras de curto e médio prazo.

O nosso Presidente, como vem sendo hábito, aproveitou a ocasião para trocar diversas impressões quer com a Secretária-Geral, Isabel Camarinha, quer com o Coordenador da Frente Comum de Sindicatos, Sebastião Santana, neste último caso e entre outras matérias, dando-lhe nota detalhada da situação em que se encontram os Antigos Militares que, entretanto, tendo transitado para a Administração Pública, continuam a não ver respeitados, na generalidade, os seus Direitos e de forma muito concreta os que decorrem da (não) aplicação do estipulado no artigo 22 do OE2021. Um número muito significativo destes Antigos Militares é associado da AOFA mas também sindicalizado em Sindicatos que integram a Frente Comum.

A Biblioteca da AOFA (Biblioteca dos Oficiais das Forças Armadas) integra agora um exemplar do livro anteriormente referido, com dedicatória à Associação por parte da Secretária-Geral da CGTP, Isabel Camarinha.

A AOFA reitera à CGTP as maiores felicidades e sucessos no trabalho incessante que vem desenvolvendo em prol dos Trabalhadores Portugueses e deseja à Central Sindical muitos anos de vida!

Previous post

Denuncia de procedimentos antidemocráticos do MDN

Next post

3ª Reunião Temática: Negociação e Representação Coletivas

admin